Notícias

Homenagem aos campeões de 1998

O Avaí irá homenagear no jogo diante do São Caetano, na próxima terça-feira, dia 1º de outubro, os atletas campeões brasileiros da Série C de 1998. Os nomes dos heróis que conquistaram o título estarão estampados nas camisas dos jogadores que enfrentarão o time paulista pela Série B. O título completa 15 anos em dezembro de 2013.

Esta é mais uma homenagem da série que está retratamdno as conquistas históricas nos jogos em casa durante o Campeonato Brasileiro de 2013. A ação faz parte da programação oficial dos 90 anos do clube.

Vestiram a camisa do Leão no título de 1998: César Silva, Rudimar, Medeiros, Edinho, Cesar Souza, Cláudio, Fernando, Romero, Altair, Rogério Prateat, Weysler, Diego, Juliano, Tota, Marcelo, Adriano, Titi, Arthur, Jefferson Douglas, Luiz Fernando, Helton, Fantick, Carlinhos, Grizzo, Dão, Sandro Silva, Sérgio Araújo, Paulo César, Humberto, Silva, Pepe, Cleber, Serginho, Romero e Fábio Maia.

Comissão técnica: Roberto Cavalo, Stélio Serafim, Marcelo Nunes, Izazé Cugnier, Nilsão, Duca e Pereirinha, Fernando Gubert e Báu. Diretoria: Flávio Félix, Fernando Bastos, Ronaldo Hipólito, Lourival Amorim, João Carlos Dias e Vilmar Reinert.

O Campeonato Brasileiro de 1998

Na primeira fase, o Avaí figurou no grupo regionalizado com Tubarão, Chapecoense, Pelotas, XV de Campo Bom e Brasil de Pelotas. Depois de 10 jogos, o Leão terminou a primeira fase em primeiro lugar com 19 pontos.

Na segunda fase, o Avaí encarou o Caxias já no sistema mata-mata. No jogo de ida, no Rio Grande do Sul, o Leão foi superado por 3 a 2. Na volta, vitória de 2 a 0 na Ressacada.

Na terceira fase, o adversário foi o Santo André. No jogo de ida, na Ressacada, o Leão não tomou conhecimento do time paulista aplicando 4 a 0. Na volta, no ABC Paulista, um empate em 1 a 1 garantiu a classificação.

Na quarta fase, o confronto ocorreu com o Brasil de Pelotas. No jogo de ida, no interior do Rio Grande do Sul, empate em 2 a 2. Na Ressacada, outro 2 a 2. Nos pênaltis, deu Leão por 4 a 2 que avançou para o quadrangular final.

Na fase final, o Leão começou bem com uma vitória de 2 a 1, de virada, sobre o São Caetano, na Ressacada. Depois, foi a Anápolis, em Goiás, e empatou em 3 a 3 com a Anapolina. Em seguida, empatou em 1 a 1 com o Itabaiana e casa e venceu o mesmo adversário no interior de Sergipe por 2 a 1.

Nos últimos dois jogos, o leão empatou em 0 a 0 com a Anapolina em casa conquistando o acesso à Série B. O título só veio na última rodada contra o São Caetano, em São Paulo, com um derrota de 1 a 0.