Notícias

30 anos da Ressacada

O maior palco do futebol catarinense está em festa! A Ressacada completa hoje 30 anos de muitas alegrias, conquistas e emoções. São três décadas de grandes jogos, gols, títulos, vibrações e transformações.

O torcedor avaiano só tem o que comemorar, afinal, a sua casa é o estádio Dr. Aderbal Ramos da Silva, nome em homenagem ao ex-patrono do clube.

São 30 primaveras! Na Ressacada ninguém ganha do leão!

A história

Quando um grupo de empresários resolveu construir um shopping no Centro de Florianópolis, em 1980, o espaço escolhido foi onde funcionava o estádio Adolfo Konder.

José Matusalém Comelli, então presidente do Conselho Deliberativo do Avaí, disse que o local seria dos empresários, desde que fosse construído um novo estádio para o Avaí.

Fechado o negócio, o antigo estádio foi adquirido por CZ$ 45 milhões. Em outubro de 1981, foi adquirido o terreno na Ressacada. Para se ter a dimensão do negócio, o Avaí passou de uma área de 15 mil metros quadrados no centro da cidade, para outra de 120 mil metros quadrados no sul da ilha.

Para acompanhar os trabalhos do novo estádio, foi criada uma comissão, sob a presidência do Engenheiro Cairo Bueno de Oliveira, sendo o projeto do novo estádio idealizado pelo arquiteto Davi Ferreira Lima.

Na construção do estádio foram utilizados 714 m2 de estacas, a profundidade das sondagens chegou a 30 metros e as torres de iluminação alcançaram 43 metros de altura. A área de concreto armado foi de 17.270 m2.

Inauguração no dia 15 de novembro 1983

Quando os portões se abriram, às 11 da manhã, muita gente já se encaminhou para as rampas de acesso ao estádio. O cerimonial começou às 12h30min com a apresentação da bandeira gigante do Avaí confeccionada pela ATA, medindo 40 X 25 metros. O primeiro a discursar foi José Matusalém Comelli, ressaltando que aquele era um dia de glórias, seguido pelo prefeito Cláudio Ávila da Silva que fez questão de dizer que o estádio era um orgulho para todos os florianopolitanos. O último a discursar foi o governador Esperidião Amin que enalteceu a festa.

O hasteamento das bandeiras, que na época ficavam na frente do setor A, foi a última etapa da solenidade e foram hasteadas por Esperidião Amin (governador), Júlio César (deputado), Cláudio Ávila da Silva (prefeito), Pedro Lopes (FCF) e Fábio Comelli, neto e representante do patrono avaiano, Aderbal Ramos da Silva.

O primeiro gol da história da Ressacada saiu logo aos 5 minutos, com Wilson Tadei. Amarildo aproveitou um cruzamento de Passos aos 28 minutos do primeiro tempo, marcando o primeiro gol avaiano na história da Ressacada, feito pelo qual sempre ficou lembrado. Aos 42 minutos, o zagueiro avaiano Gildo cometeu pênalti em Paulo Egídio, mas Edevaldo cobrou mal e Gilson defendeu com facilidade no canto esquerdo.

15/11/1983 – 3ª feira

Avaí 1 x 6 Vasco da Gama-RJ

Estádio: Ressacada (Florianópolis)
Motivo: amistoso
Arbitragem: Celso Bozzano/SC auxiliado por Dalmo Bozzano e Allan Giovani Abreu da Silva
Público: não divulgado
Renda: não divulgada

AVAÍ: Gílson (Borba), Assis, Gildo (Caco), Gilberto e Tião; Careca, Bira Lopes e Osmarzinho (Zé Carlos); Amarildo, Bizú (Décio Antônio) e Passos (Nelsinho).

Técnico: Ladinho

VASCO DA GAMA: Roberto, Edvaldo, Chagas, Nenê e Roberto Teixeira; Serginho, Oliveira (Giovani) e Vilson Tadei; Ernani (Dudu), Marcelo e Paulo Egídio (Júlio César).

Técnico: Otto Glória

Gols: Vilson Tadei (V) 6’ e 12’, Marcelo (V) 19’, Amarildo (A) 28’ do 1º tempo; Marcelo (V) 40’, Dudu (V) 42’, Marcelo (V) 45’ do 2º tempo

Dados da Era Ressacada

1º jogo – Avaí 1 x 6 Vasco da Gama-RJ
1º gol – Vilson Tadei
1º gol avaiano – Amarildo
1º título – Campeonato Catarinense de 1988
Outros títulos – Campeonato Catarinense da 2ª divisão de 1994 e Campeonatos Catarinenses de 1997, 2009 e 2010

Quem mais jogou na Ressacada – Belmonte

10 Maiores artilheiros da Ressacada:

Décio Antônio – 54 gols
Marquinhos Santos – 42 gols
Jacaré – 41 gols
Dão – 36 gols
Adílson Heleno – 33 gols
Evando – 29 gols
Paulo César – 28 gols
Toninho – 28 gols
William – 24 gols
Claudiomir – 23 gols
Fantick – 21 gols

Maiores goleadas:

28.09.1998 –  Brasileiro C  – Avaí 6 x 0 Chapecoense-SC
01.10.2002 – Brasileiro B – Avaí 6 x 0 Botafogo-SP
23.03.2004 – Amistoso – Avaí 6 x 0 Operário de Mafra-SC
05.02.2006 – Catarinense  – Avaí 6 x 0 Guarani da Palhoça-SC
29.01.2008 – Catarinense – Avaí 6 x 0 Hermann Aichinger-SC
03.05.2009 – Catarinense – Avaí 6 x 1 Chapecoense-SC
09.05.2010 – Brasileiro A – Avaí 6 x 1 Grêmio Prudente-SP
28.03.2012 – Catarinense – Avaí 6 x 1 Marcílio Dias-SC
01.09.1996 – Brasileiro C – Avaí 7 x 2 Brasil-RS
30.01.2005 – Catarinense Avaí 7 x 1 União Timbó-SC