Notícias

Jaelson Ortiz avalia estágio de preparação da equipe azurra

Atacante Rômulo retornou com força total aos treinamentos                   Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC 

O técnico Rodrigo Santana comandou na manhã desta quarta-feira (17), no gramado do Renato Silveira, em Palhoça, mais um trabalho com bola com o grupo avaiano. Posicionamento, defesa e ataque, além de finalizações com a utilização 24 atletas. O trabalho segue ainda prejudicado pelas restrições impostas pelas autoridades sanitárias por conta da Pandemia.

A equipe segue treinando com vistas à reestreia no Campeonato Catarinense, marcada para o dia 8 de julho, em Chapecó, diante da Chapecoense, pelas quartas de final, jogo de ida. A volta será na Ressacada ou em outro local, marcada para o dia 12. Ainda sem liberação para treinos com contato na Ressacada, o Avaí segue em Palhoça.

O preparador físico Jaelson Ortiz avalia o trabalho realizado até o momento. Segundo ele, é preciso considerar que por mais que os atletas estivessem trabalhando no isolamento, o grupo retornou em níveis bastante distintos. Uns chegaram abaixo e outros em melhores condições.

“Qual a nossa ideia agora: tentar reequilibrar o grupo. Foram dois meses sem atividades específicas em campo. Mesmo sendo trabalho físico na quarentena, é preciso fazer este reequilíbrio. Temos hoje atletas em totais condições de jogo e outros não. Vamos tentar deixar todos iguais”, destacou Jaelson.

No trabalho, segundo o preparador físico, estão sendo observados todos os parâmetros de força, resistência e potência. “São valências que a gente está procurando atacar agora, já introduzindo situações com bola, espaço de campo, aceleração, mudança de direção. Atacar nosso leque de opções, bem mais próximos de uma realidade de jogo”, completou.

Confira o vídeo do treino:  

Valdívia tem sido novamente destaque    Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC