Notícias

Léo Fidélis realiza sonho de trabalhar no clube do coração

Professor Léo Fidélis em atuação na academia do clube ao lado de Betão                Foto: Divulgação / Avaí FC

O Avaí recebeu esta semana um importante reforço na área de preparação física: trata-se do professor Léo Fidélis, filho do ex-craque Veneza, e que vai atuar como auxiliar de preparação física, com foco no trabalho de força, sob orientação do professor Jaelson Ortiz. Este era o grande sonho na vida deste manezinho de 38 anos, que o fez buscar a graduação em Educação Física na UFSC, completada em 2013, para poder trabalhar no Avaí, inspirado nos exemplos de seus familiares. Ao lembrar deste sonho realizado, Léo não esconde as lágrimas tomado pela emoção.

Leonardo Fidélis tem sua vida ligada diretamente ao futebol, pois o pai Veneza foi campeão pelo Avaí em 1975 e ele não tinha nem nascido. Depois, o irmão mais novo, zagueiro Fábio Fidélis fez toda a base do Avaí e chegou ao time profissional, onde conseguiu um acesso à Série A. O primo Eduardo Costa fez sucesso na Europa e chegou a defender a Seleção Brasileira, além de encerrar a carreira no Avaí. Foram inspirações vitoriosas para que ele buscasse percorrer caminho paralelo e chegar onde chegou.
O profissional chega ao clube com uma experiência iniciada em academias da região, onde atuou por longos 10 anos, mesmo antes de formado. Logo foi para o futebol, atuando no Guarani de Palhoça, onde conseguiu o acesso à Série A do Estadual em 2012, trabalhou no Imbituba e ano passado participou da campanha vitoriosa do Avaí Floripa Futsal, campeão catarinense em 2016, na decisão com o Joinville. Este ano, chegou ao Tubarão para o Sub-20, mas logo foiatuar como auxiliar da comissão técnica principal, até receber o convite do Avaí.
“Estou feliz em trabalhar no clube do meu coração, era meu sonho. Me preparei para isso, estudei para estar aqui e espero poder ajudar o time que meus familiares defenderam. O clube que deu muitas alegrias para todos nós e que agora tenho a oportunidade de retribuir. O desafio é ajudar a comissão técnica, estar ao lado do professor Jaelson, do professor Zé Rodrigues, fazer o máximo e valer apena. Sigo estudando, acompanhando a evolução do trabalho do professor Ortiz. O tempo não para e aqui a exigência será muito grande”, disse o jogador, enquanto orientava trabalhos específicos ao zagueiro Betão.
O professor Jaelson Ortiz, titular da preparação física do clube, explicou que a necessidade de um trabalho com foco em força e velocidade para atingir potência e buscando qualidade no processo, fez com que o professor Léo Fidélis fosse incorporado ao grupo de trabalho, atuando na academia do clube. “Sua presença aqui vai agregar valor ao trabalho da preparação física do Avaí. Ele já trabalhou comigo nas categorias de base, quando fez estágio. Vai complementar algo que é muito importante em nosso trabalho”, finalizou Jaelson Ortiz.